Curiosidades

This Is America (Esta é a América)

Contextualizado!

AzArtes

AzArtestudo sobre AzArtes

15/05/2018 09h11
Por: Jonathan Domingos
Fonte: AzArtes
1.236
Reprodução: Imagem da Internet
Reprodução: Imagem da Internet

Quem ainda não viu o vídeo mais polêmico desse ano, This Is America de Childish Gambino (sim, ele é o Donald Glover) retrata de uma forma criativa e única o que não conseguimos ver presente na sociedade por conta da mídia que esconde como “ruído”, ou seja, todo sinal indesejado que está justaposto a um sinal útil. Como por exemplo os jornalistas que tem um padrão único de vestimenta para não tirar a atenção do público de sua notícia, dessa forma ele traz no seu videoclipe certas referencias e até mesmo um “suicídio” ao fundo que poucos conseguem perceber na primeira vez que assistem. Para Donald Glover a mídia pode ser um ruído aplicado sobre a verdade.

No vídeo podemos ver gestos e gesticulações feitas durante a filmagem, um deles e representando como um desenho conhecido no US como The Boondocks, Donald faz uma cara igual ao do Tio Ruckus (Uncle Ruckus, The Boondocks), esse personagem no anime ele e um negro onde tem preconceito contra os negros sendo até mesmo irônico para o público ver algo divergente.

Claro que no início do vídeo nos minutos 0:52, podemos também ver claramente uma representação das leis e diretos que foram colocadas em uma cena onde Donald mata um cara que esta sentando com capuz na cabeça, muitos twittaram dizendo que representa e refere as leis de Jim Crow que de uma forma pejorativa de se referir às pessoas negras escravizadas e depois virou nome de um conjunto de leis que legitimavam a segregação racial nos EUA.

Podemos voltar no que foi dito lá atrás você que provavelmente não viu a cena do suicido aos minutos 2:16, ela e considerada marcante no vídeo, pelo fato demonstrar o que as pessoas deixar passar despercebido situações relevantes por acreditar de mais na mídia.

O clipe foi bastante criticado, e bateu mais de 10 milhões de views em 24 horas e isso para um artista de rap, cantando uma crítica, é um feito absurdo, e atualmente com 101.969.855 visualizações. Afinal de contas quantas pessoas você conhece que sabem quem é Childish Gambino?

Sem dúvida, são muitas referências. A junção de diversas ideias capazes de formar o pacote completo, e por conseguir falar dos problemas do seu quintal de uma forma tão ampla com tantos recursos semióticos, Gambino expande seu campo de ação e gera todo o burburinho, as reflexões e as pesquisas que conduzem para além do básico quando se pensa em música e business.

Temos muitas referências que podem ser interpretadas (quase) sempre de acordo com o alicerce que cada pessoa vem construindo e muitas delas ligadas diretamente ao cotidiano negro norte-americano, que ainda está reverberando, mas que também pode ser aplicado - em certa parte - à realidade negra brasileira.

Childish Gambino conhecido como Donald Clover, disse que foi a única maneira de chamar a atenção da sociedade para diversos casos de racismo e preconceitos que existe no US e no mundo, ele não quer que seja só mais um vídeo retratando a violência e o racismo, ele quer ”acordar muitos que ainda ingere a notícia como um fast food”.

No Twitter, diversos usuários tentaram decifrar as referências explícitas e implícitas no clipe de This is America, single que deve compor o novo disco de Childish Gambino, ainda sem data de lançamento definida. Gabi Oliveira, youtuber e ativista pontuou 7 referências à realidade da população negra nos Estados Unidos - e deixa ainda mais explícito o cunho provocativo e político do clipe.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.