Sábado, 26 de Setembro de 2020
(61) 9 8132-2082 | (61) 9 8192-1769
Brasília Evento

Evento criado por mulheres de Brasília traz lives de música e palestras online

A ação ocorre em comemoração ao Mês da Visibilidade Lésbica

29/08/2020 13h46 Atualizada há 4 semanas
161
Por: Yasmin Rajab
Evento criado por mulheres de Brasília traz lives de música e palestras online

A 16ª Ação Lésbica do Distrito Federal e Entorno ocorreu durante todo o mês de agosto, com o objetivo de celebrar o Mês da Visibilidade Lésbica. No total, foram realizadas uma exposição, uma audiência pública virtual em parceria com a Câmara Legislativa do Distrito Federal, uma festa-sarau e 9 lives de música, que serão transmitidas nesse sábado (29), como encerramento do festival. 

 A ação, que ocorre todos os anos presencialmente, foi realizada este ano por via remota, através de lives transmitidas nas redes sociais do evento por meio do Instagram e no canal do Youtube. Isso ocorreu em decorrência da pandemia do novo coronavírus, que impossibilita a aglomeração de pessoas, como forma de prevenção da doença. 

O evento foi criado por mulheres moradoras de Brasília, e possui o objetivo de sensibilizar o Estado sobre a importância dos dados relacionados a mulheres lésbicas para elaboração de políticas públicas que auxiliam no enfrentamento do preconceito. 

Como em todos os anos, a ação desenvolveu diversas atividades com foco na visibilidade das mulheres lésbicas do Distrito Federal e entorno. A programação durante o mês de agosto contou com palestras sobre os desafios e avanços do movimento lésbico, saúde mental, sexual e reprodutiva, história do movimento na América Latina e identidade. 

A DJ Nayla Clemente, que fará uma das lives, conta que por meio do seu trabalho quer transmitir a segurança de ser si mesmo. “Jamais deixe alguém falar que você não pode algo. Meu set estará repleto de empoderamento feminino e amor próprio”. 

A produção do evento foi realizada pela Ação Lésbica Feminista do DFE, com o apoio da Coturno de Vênus; JuntAs; TRAFEM – Coletiva TRAfeminista; Juntos LGBT; Instituto LGBT; Velcro Choque; Festival Preta Cei; Sindicato de Professoras e Professores do DF – SINPRO; REBU – Festa, Bloco, Trio e Banda; BOCADIM - Festivalzim LGBTQ+; Triângulo das Brejeiras e Gabinete 24. 

As lives de música ocorrerão na página pessoal do Instagram de cada artista. Acompanhe os horários e os perfis nos cartazes abaixo: 

 

 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias